buscar

Notícias de Tecnologia
Nosso presente é a melhor garantia do futuro

“2016 é um ano chave para a EDICOM Brasil”

17/02/2016



O Brasil é um dos países mais avançados do mundo no setor de tecnologia da informação e comunicação (TIC). Embora 2015 tenha sido um ano de recessão econômica e crise política, as empresas do setor continuaram demandando soluções digitais para se comunicarem com seus partners. A diferença é que agora essas demandas não estão muito orientadas à expansão, senão à otimização dos cenários atuais de comunicações.

“Neste nebuloso panorama macroeconômico, as soluções tecnológicas capazes de melhorar os processos e reduzir os custos fixos e variáveis possuem ainda mais valor agregado para as empresas”, nos explica William Pascheti. Esta tendência orientada à eficiência dos processos de Supply Chain motivou um notável crescimento da EDICOM em 2015, tanto no número de clientes, como no posicionamento da marca no país.

A previsão é que neste ano as oportunidades continuem aumentando. Prevê-se uma alta demanda de soluções de comunicação B2B/B2G/B2C. “Podemos dizer que 2016 é um ano chave para a EDICOM Brasil. Nosso objetivo é assentar a representatividade da marca em âmbito nacional, ao mesmo tempo que contribuiremos para fortalecer a liderança mundial. Atualmente fazemos possível o intercâmbio de dados entre mais de 15.000 empresas de 60 países diferentes e queremos seguir crescendo”, afirma Pascheti.

Um ano de avanços paperless

Com a adesão 100% da fatura eletrônica (NF-e) no país, o Brasil virou um dos principais benchmarkings de sucesso. Desta forma seu modelo está se expandindo em outras regiões da Europa, Ásia e América. Contudo, o projeto ainda tem muito caminho a percorrer.

“Ao longo deste ano, o Brasil experimentará inúmeras mudanças em relação ao faturamento eletrônico e as iniciativas paperless. A ideia do governo é que no futuro a longo prazo, todas as obligações fiscais possam ser resolvidas através das informações contidas na NF-e”, explica o diretor comercial da EDICOM Brasil.

Outra das previsões é que o uso do EDI, ainda em fase embrionária no país, cresça entre as empresas. Precisamos ter em conta que esta tecnologia surge, segundo o especialista Pascheti, como “o melhor meio de aperfeiçoar os processos de comunicação entre os elos de Supply Chain, em um mercado cada vez mais globalizado e interconectado”.

Gostaria de mais informações?


Solicite-as

Tags

Cloud Computing B2B Cloud Platform EDI ASP-SaaS e-Invoicing GDSN VMI VAN OFTP2 AS2 Certification Authority Digital Signature Outsourcing SLA Software EDICOM Events SaaS-ASP Corporate Information GS1 CFDI PAC APP Associated Data Sync partners EDICOM Retail public administrations Acreditations Web Portal EDI NF-e einvoicing Partner Web Portal SAP EDI Health Edicomdata ediwin CRP EBI B2B EDICOMNet edi logistics SAFT-PT business@mail CT-e NFS-e TSD epayrolls factura electronica edi automotive comprobante de pago CAE DTE e-awb nfc-e comprobante fiscal electronico compliance xml-cargo edicom air iata e-cargo facturación electrónica IVA AFIP Cargo-XML EDICOMAir SUNAT Perú EDI Auto b2g datapool panama PCRDD edi academy sat paperless mmog OFTP EDI Web carrefour boleto financeiro Brasil boleto financeiro não registrado boleto registrado colombia factoring X12 DIAN México DESADV ASN Costa Rica Nexxera interoperabilidad Cancelación Brazil redes supermercadistas centros de compras no Brasil european union emisión electrónica global einvoicing factura electrónica ecuador VAT compliance aviso de expedición Advanced Shipped Notice Despatch Advice data synchronization SEFAZ fatura eletrônica Nota Fiscal Eletrônica tendencias interoperability interconexión SINTEL Brasil interoperabilidade e-procurement trends digitization digital transformation SaaS MMOG/LE latam cybersecurity EDI financeiro white paper factura electrónica colombia fintech ebimap SME EDICOMLta e-commerce EDI financiero fattura b2b B2B e-Invoicing GDPR portugal

Siga-nos

  • linkedin
  • rss