Notícias de Tecnologia
Nosso presente é a melhor garantia do futuro

Mais de 200.000 empresas chilenas faturam em modo eletrônico

25/02/2016

A fatura eletrônica está inserida na sociedade chilena. Depois de um ano e meio da implementação obrigatória deste sistema para as grandes corporações, no mês de Janeiro passado, foi alcançada a cifra de 210.467 empresas inscritas no regime digital. Este é um dado divulgado pelo Servicio de Impuestos Internos (SII), que tem previsão de superar os 360.000 contribuintes eletrônicos a partir de 2017.

No Chile, a fatura eletrônica existe desde o ano de 2003. De fato, o Chile foi o primeiro país da América Latina em introduzir esta tecnologia. Por outro lado, o denominado Documento Tributário Eletrônico (DTE) foi de caráter voluntario para as empresas até 2014, quando o SII, estabeleceu um cronograma progressivo de adoção.

Atualmente, todas as grandes corporações do Chile emitem DTE de forma obrigatória. Além disso, a partir de 1º de agosto começarão a somarem-se as pequenas e medias empresas. O objetivo é que em fevereiro de 2018 a fatura eletrônica tenha se generalizado por completo na sociedade chilena. Um desafio que parece simples, tendo em conta as cifras proporcionadas pelo SII.

Atualmente, das mais de 200.000 companhias que fazem fatura eletrônica, somente 11.709 estão obrigadas a ela. As restantes foram inseridas a esta tecnologia de forma voluntaria. Entre 2014 e 2015 o crescimento que foi registrado do DTE foi de 66%. Este incremento se deve, sobretudo, aos benefícios que supõem este sistema para as empresas: desde a redução de custos econômicos, até uma maior gestão das operações.

Por outro lado, a fatura eletrônica vai mais além do mundo dos negócios. Também, o Setor Público está sendo beneficiado por esta tecnologia, já que aperfeiçoa o controle fiscal e reduz a evasão econômica. Por isso, o modelo chileno converteu-se em uma referência para outros países de todo o mundo.

Como emitir fatura eletrônica no Chile?

A emissão de DTE no Chile é um processo muito simples, que pode automatizar-se por completo. A plataforma internacional de fatura eletrônica da EDICOM integra-se no ERP da empresa, emite e declara o documento conforme os requerimentos legais, sem intervenção humana. Ademais, está adaptada as exigências de mais de 60 países de todo o mundo, fator este que acarreta em que as multinacionais somente necessitem dispor de uma única solução de fatura eletrônica.

 

Gostaria de mais informações?


Solicite-as

Tags

Cloud Computing B2B Cloud Platform EDI ASP-SaaS e-Invoicing GDSN VMI VAN OFTP2 AS2 Certification Authority Digital Signature Outsourcing SLA Software EDICOM Events SaaS-ASP Corporate Information GS1 CFDI PAC APP Associated Data Sync partners EDICOM Retail public administrations Acreditations Web Portal EDI NF-e einvoicing Partner Web Portal SAP EDI Health Edicomdata ediwin CRP EBI B2B EDICOMNet edi logistics SAFT-PT business@mail CT-e NFS-e TSD epayrolls factura electronica edi automotive comprobante de pago CAE DTE e-awb nfc-e comprobante fiscal electronico compliance xml-cargo edicom air iata e-cargo facturación electrónica IVA AFIP Cargo-XML EDICOMAir SUNAT Perú EDI Auto b2g datapool panama PCRDD edi academy sat paperless mmog OFTP EDI Web carrefour boleto financeiro Brasil boleto financeiro não registrado boleto registrado colombia factoring X12 DIAN México DESADV ASN Costa Rica Nexxera interoperabilidad Cancelación Brazil redes supermercadistas centros de compras no Brasil european union emisión electrónica global einvoicing factura electrónica ecuador VAT compliance aviso de expedición Advanced Shipped Notice Despatch Advice data synchronization SEFAZ fatura eletrônica Nota Fiscal Eletrônica tendencias interoperability interconexión SINTEL Brasil interoperabilidade e-procurement trends digitization digital transformation SaaS MMOG/LE latam cybersecurity EDI financeiro white paper factura electrónica colombia fintech ebimap SME EDICOMLta e-commerce EDI financiero fattura b2b B2B e-Invoicing GDPR portugal blockchain

Siga-nos

  • linkedin
  • rss